quarta-feira, fevereiro 18

"Bloga-me mucho"

Halberg Photographers


Detesto correr
e
só me calo
se o beijo for eterno.

Não quero tropeçar
em memórias circundantes
muito menos
orientar marionetas,
fotografar casamentos
primeiros,
segundos,
terceiros
a chegar
no jogo da "apanhada".

E porque aguardo
sem saber esperar,
os ri(s)os
deslizam
em montanhas de gargalhadas
abertas
as mãos que se dão,
se t(r)ocam
ou
se erguem,
num amparo de lágrimas
que,
cada vez que penso que esgotei
transbordam
num
diluvio de desilusões
com que
destróis os sonhos
que insisto em perseguir.

Mas sou feliz à mesma!

13 comentários:

Maria disse...

O importante, mesmo, é tentarmos ser felizes.
Ainda bem que tu és...

Um beijo

Paulo Lopes disse...

Descobri recentemente que eu próprio cada vez sinto mais esse sentimento de não saber esperar.

Este teu texto é muito objectivo quase não deixa espaços para divagar, olho e vejo. Prefiro ter de soletrar as ideias letra a letra e nunca ter a certeza se entendi ou até, se lendo de novo, ficarei com uma convicçãao diferente.
Sinto falta da forma como costumas adocicar as ideias com complexos jogos verbais impossíveis de imitar, porque são só teus e tu própria és única e inimitável.

Curioso que tenhas recorrido a uma foto de Tim Halberg, passo tanto tempo sem o comentar e ainda ontem lhe deixei um comentário expressivo Every time I see your pictures I find a new meaning for the word “professional”. My next marriage has to be covered by your photographic service, not less. Diria que é uma espantosa coincidência se acreditasse que coincidências existem, mas infelizmente, coincidências são um subproduto da imaginação e já não enganam nem o algodão nem o mordomo.

Gostei.

Bj

AugustoMaio disse...

Muito linda toda esta declaração.

Gabrielle disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
mateo disse...

O terno e o eterno de mão dada com um beijo.
Bj.

BlueVelvet disse...

Que os rios continuem a correr e tu a seres feliz.
Mesmo com as desilusões.Apesar das desilusões.
Adorei.

Teresa Durães disse...

penso que a procura da felicidade é um dom

mfc disse...

O sonho é um sorriso e o continuar a sonhar é acreditar que esse sorriso é possível.

as velas ardem ate ao fim disse...

Sorri!

um bjo

em azul disse...

A paixão... começa nos olhos, passa às mãos...

Que bom seres feliz!
Um beijo
em azul

Haere Mai disse...

POEMA AZUL

É o nosso segredo...

Lembras-te...
Quando no teu peito lavrava
lágrima prateada...
Gemidos
doce evasão dos sentidos?

Rasgos de sol infinito
Reflexos
espelhados de Lua
Catedral de sonhos antigos

No peito a dor calada
Desejo de teus dedos em chamas
Em labaredas de fogo extinto...

Lembras-te...
Quando em noite de lua cheia
Exausta molhada
Na praia os teus fluídos reclamava?

O tempo não apaga a memória
Do desejo contido.
Os meus poros sedentos de ti...
Num beijo no tempo.

Somos desejo flutuando em mar lunar
Onde existo e me entrego
Sempre...Em música suave
Torrente de madrugadas vencidas.

Apenas um poema...Apenas!

BY BEIJO AZUL

Sininho disse...

Todos deviam lê-la!

Também serei feliz à mesma =D

Um beijo enternecido*

▒▓█► JOTA ENE ® disse...

Sempre que posso blogo mesmo